Cadastre-se para receber atualizações do plástico bolha via e-mail:

 

 


Dois

Priscila Campelo

 

Vi uma folha caindo da árvore. Deve existir alguma metáfora nisso. Newton viu uma lei no movimento da maçã. Eu vejo a liberdade na folha, a contra-lei. Libertou-se dos laços que a curavam, em um ato simples e sutil de se desprender. E caiu. Foi procurar o mundo, encontrou o chão, maldita lei. Culpa do Newton, eu sou a favor da contra-lei. Não teve continuação meu pensamento sobre a eterna guerra entre folha e maçã;outro,abrupto, interrompeu. Abrupto. Já parece ruim, soa mal. E é ruim. Nome de vilão: Abruptos. Malévolos. O tal pensamento. Não quero, penso naquela música, tão sensível.

Meu pé está dormente, não o sinto. Será que não sinto mais nada? É possível estar imune a sentimentos? São químicos? E se as reações simplesmente não estão acontecendo? Eu estou triste? Feliz? Cansada? Ai. Pisaram na folha. Pisa não, moço. Ela acabou de ganhar liberdade. Mas a liberdade tem preço. Para a folha foi a proteção. E para mim?

Ora! Ironia, agora estou atrasada. Esperei me atrasar. Só entendo Murphy quando algo assim acontece. Quando a torrada cai com a manteiga para cima, ele estava errado. Acho que minha impressão dos outros depende do meu humor.

Porta, Eu; Eu, Porta. Devidamente apresentadas, eu entro. Balcão, Papel. Será meu? Meu resultado, futuro, vida. A folha só caiu por efeito da lei. Sua liberdade foi resultado de uma lei. Uma contraliberdade. Sem lei não há liberdade. Não para todos. A harmonia vem da lei. Lei perfeita como da natureza não existe e não pode ser inventada. Achei o erro do sistema. Positivo.

Quando o papel estava virado para baixo, o resultado era tanto negativo quanto positivo. No momento em que ele é virado, essas probabilidades vão se distanciando. Até uma chegar ao zero e outra ao um. Li isso uma vez, só que era uma caixa fechada com um gato e um pote de veneno dentro. Positivo. Merda.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Esse texto foi publicado no plástico bolha nº14: download PDF

 

 






 

 


 

Copyright - Jornal Plástico Bolha - 2008 - E-mail: redacao@jornalplasticobolha.com.br