Cadastre-se para receber atualizações do plástico bolha via e-mail:

 

 

 


A hora

Thiago Lobão

 

 

sem projetos objetos e mãos
os fazeres e os balões
o revés e a dor
trovadores de nada


a tristeza se acumula numa estrela
também mar sorridente
pulsa


um soneto que não presta
como amor
inventação da brincadeira
a beira e a bobagem


coragem
aqueles que agem
ao calarem mudez sólida

 



Esse texto foi publicado no plástico bolha nº38: download PDF

 

 

 






 

 


 

Copyright - Jornal Plástico Bolha - E-mail: redacao@jornalplasticobolha.com.br